Tribunal de Justiça do Espírito Santo autoriza novo Fórum para a Comarca de Mimoso do Sul

Typography

Em solenidade realizada, no Gabinete da Presidência do Tribunal de Justiça do Espírito Santo (TJES), foi assinado, nesta segunda-feira, 31/7, o contrato que permitirá a implantação do novo Fórum da Comarca de Mimoso do Sul, que constituía uma antiga reivindicação de magistrados, servidores, advogados e população daquele município.

O ato, presidido pelo Desembargador Annibal de Rezende Lima, Presidente do TJES, contou com a participação do Vice-Presidente do TJES, Desembargador Fábio Clem de Oliveira; do Presidente do Tribunal Regional Eleitoral do Espírito Santo (TRE-ES), Desembargador Sérgio Luiz Teixeira Gama; do Desembargador aposentado José Luiz Barreto Vivas, natural de Mimoso do Sul; dos Deputados Estaduais Luzia Toledo e Dary Pagung; do Prefeito do Municipio de Mimoso do Sul, Ângelo Guarçoni e dos Juízes de Direito Ézio Luiz Pereira e Lara Carrera Arrabal Klein, ambos da Comarca de Mimoso do Sul.

Ainda participaram da solenidade o Juiz de Direito Sérgio Ricardo de Souza, Presidente, em exercício, da Amages e Conselheiro do CNMP; os Juízes de Direito Assessores Especiais da Presidência Fábio Brasil Nery e Anselmo Laghi Laranja; o Secretário-Geral do Tribunal de Justiça, Marcelo Albuquerque; a Secretária de Infraestrutura, Sandra Força; o Secretário da Engenharia, Wagner Oliveira Marques e a Presidente do Sindjudiciário, Adda Maria Monteiro Lobato Machado.

Durante a solenidade, usaram da palavra o Desembargador Annibal de Rezende Lima; o Juiz Ézio Luiz Pereira, Diretor do Fórum da Comarca de Mimoso do Sul; o Prefeito do Município, Ângelo Guarçoni; o Desembargador aposentado José Luiz Barreto Vivas e os Deputados Estaduais Luzia Toledo e Dary Pagung. Todos destacaram a importância do ato, registrando como um momento de alegria e emoção, pois há anos os mimosenses reivindicavam um novo Fórum.

O novo Fórum da Comarca de Mimoso do Sul localizar-se-á no Centro da Cidade, é um prédio com 6 (seis) andares, com uma área total superior a 1.642 m², que será totalmente reformado pelo proprietário, sem ônus para o Poder Judiciário. A Secretaria de Engenharia do Tribunal de Justiça agora fará o projeto para a reforma e a obra tem previsão de durar 5 (cinco) meses.

O Secretário de Engenharia, Wagner Oliveira Marques, explicou que, com a reforma, o novo Fórum de Mimoso de Sul terá hall de entrada, com balcão de recepção e informação, catracas, detector de metais; sala para Contadoria, Protocolo e Distribuição; sala para Central de Mandados e Oficiais de Justiça; sala para Secretaria do Juízo/Direção do Fórum; Salão do Júri, com capacidade para 50 pessoas; sala de espera para testemunhas de defesa e outra para testemunhas de acusação; cela masculina, feminina e para menores de idade, todas com sanitários independentes

O prédio ainda terá salas de apoio destinadas à OAB, Ministério Público e Defensoria Pública. As unidades judiciárias da Comarca de Mimoso do Sul terão instalações completas, de acordo com as recomendações do Conselho Nacional de Justiça.