Fórum Nacional da Justiça Juvenil acontece esta semana em Vitória e reúne juízes da Infância e da Juventude de todo o país

Typography

A 22ª edição do Fórum Nacional da Justiça Juvenil (Fonajuv) acontece nas próximas quinta e sexta-feiras, 22 e 23/03, em Vitória. Nos dois dias, juízes que atuam na área infracional e de medidas socioeducativas em todo o país vão discutir a educação no sistema socioeducativo, a aprendizagem social, a profissionalização na socioeducação, a gestão de vagas e a visita monitorada na medida socioeducativa, entre outros temas.

A solenidade de abertura do Fonajuv está programada para quinta-feira (22), às 9 horas, no Salão Pleno do Tribunal de Justiça do Espírito Santo (TJES), quando sócioeducandos farão uma apresentação cultural em parceria com a Faculdade de Música Estadual (Fames). Nesse momento, também haverá a apresentação do projeto fotográfico Cidades Invisíveis, coordenado pelo professor Samuel Schmidt Figueira dos Santos. Em seguida, será inaugurado o debate sobre questões ligadas à justiça juvenil.

À tarde, os magistrados integrantes do Fórum farão uma visita técnica ao Centro Integrado de Atendimento Socioeducativo (Ciase), à Unidade de Internação Socioeducativa (Unis) e ao Centro Avançado dos Juizados da Infância e da Juventude de Vitória.

Já a apresentação de experiências que tiveram êxito em seus estados, acontecerá às 18 horas, no auditório da Corregedoria Geral da Justiça. Os trabalhos serão coordenados pela presidente do Fonajuv e juíza do Tribunal de Justiça de Santa Catarina, Ana Cristina Borba Alves. A experiência do Judiciário do Espírito Santo será mostrada pelo juiz Vladson Bittencourt, que vai falar sobre a visita monitorada na medida socioeducativa de internação e o projeto de meio aberto Reescrevendo Histórias.

Também serão apresentados os projetos: Estímulo à Aprendizagem Social, pelo desembargador do Tribunal Regional do Trabalho (TRT-15), João Batista César; Escrevendo e Reescrevendo Nossas Histórias, pelo juiz Vanderley Oliveira (TJPA); Criando Juízo, pela juíza Vanessa Cavalieri (TJRJ); Se a Vida Ensina, eu sou Aprendiz, pelo juiz Marcelo Tramontini (TJRO); e Oficinas Profissionalizantes no Cumprimento de Medidas Socioeducativas, pelo juiz Evandro Rizzo (TJSC).

Na sexta-feira (23), serão apresentados, discutidos e votados os enunciados que, aprovados, servirão de referência para os magistrados que atuam na área da Justiça Juvenil. A apresentação será feita pelos juízes Vladson Bittencourt (TJES), Brigitte Remor de Souza May (TJSC) e Eguiliell Ricardo da Silva (TJMS), sob a coordenação da presidente do Fonajuv, juíza Ana Cristina Borba Alves (TJSC).

O evento é realizado pelo Fórum Nacional da Justiça Juvenil e pela Coordenadoria da Infância e da Juventude do TJES, com o apoio do Fundo das Nações Unidas para a Infância (Unicef), da Associação Brasileira dos Magistrados da Infância e da Juventude (Abraminj) e pela Associação dos Magistrados do Estado do Espírito Santo (Amages).

Fonte: TJES